Text size

PÚBLICO - Educação

PÚBLICO — Notícias de Portugal e do mundo, análise, opinião e investigação
  1. "A escola não pode ser uma empresa porque a lógica da educação não é a do mercado"
    O professor universitário Nuccio Ordine contesta as "universidades-empresa" e defende mais investimento na educação, nomeadamente nos estudos clássicos.
  2. Fenprof marca greve e FNE também a pondera
    Fenprof diz que faz greve a 27 de Outubro, juntando-se à paralisação da Administração Pública. FNE também avança se Ministério da Educação não aceitar negociar o descongelamento das carreiras
  3. Parlamento envia caderno de encargos ao Governo para reduzir peso das mochilas
    Petição deu entrada em Fevereiro, motivou um grupo de trabalho sobre o assunto e uma resolução que os deputados aprovaram esta sexta-feira por unanimidade.
  4. Malala entrou em Oxford
    Este mês, a jovem paquistanesa lançou o livro Malala's Magic Pencil.
  5. Professores marcam greve para 27 de Outubro
    Protesto em defesa dos direitos, das carreiras e da estabilidade e dos salários.
  6. Processo de avaliação de desempenho no Politécnico do Porto gera contestação
    "Os docentes afirmam que o seu trabalho não está a ser respeitado, nem dignificado" o que "está a gerar contestação", refere o Sindicato Nacional do Ensino Superior. Presidência do Politécnico mostra-se "surpresa".
  7. Parlamento debate sexta-feira petição contra excesso de peso das mochilas
    Propõe-se que todas as salas de aula tenham uma balança digital para que as mochilas dos alunos sejam pesadas semanalmente.
  8. Fenprof não sabe com quem vai negociar o descongelamento. É um "jogo-de-empurra"
    Federação Nacional dos Professores diz que os ministérios das Finanças e da Educação estão a jogar um "jogo-de-empurra". Para os sindicatos está em causa a contabilização do tempo de serviço dos professores decorrido no tempo de congelamento das carreiras da função pública.
  9. A endogamia e a gestão da carreira universitária
    Parece-me, portanto, que os concursos abertos, transparentes e internacionais para recrutamento de professores do ensino superior em que o único critério seja o mérito, fazem todo o sentido e devem ser definitivamente adotados.
  10. Um outro olhar sobre as provas de aferição
    A “hecatombe” dos resultados nas provas deve-se sobretudo à desvalorização que o discurso oficial lhes conferiu.

Agrupamento de Escolas de Seia - Rua Alexandre Herculano (sede) - 6270-428 SEIA - Telef: 238 315 717 - Fax: 238 317 416 - Email:  Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.